Proprietário?

Quer rentabilizar a sua propriedade?

A My Choice, o Ténis e a Maria

My Choice

O ténis foi uma modalidade idealizada por um oficial do exército de Sua Majestade britânica, tornada pública em 1874. Seis anos depois aconteceram os primeiros jogos de ténis em Portugal. Considerado um desporto de elites, tem ganho cada vez mais adeptos e atletas. Em maio deste ano, organizou-se no Centro de Ténis de Faro um Open de Veteranos, onde participaram 150 atletas, distribuídos por 8

categorias. Foram várias as entidades envolvidas na concretização deste torneio, e nós não ficámos de fora. É que o Algarve tem as condições meteorológicas ideais para esta prática desportiva e por isso existem 29 clubes registados na Associação de Ténis do Algarve. Do Sotavento ao Barlavento, são vários os courts disponíveis onde poderá treinar e jogar uma partida.

E se quiser ficar connosco nas suas férias, saiba que o Sunset Dreams em Tavira, e o Golden Style em Cabanas de Tavira, são apartamentos inseridos em condomínios com campos de ténis.

Queremos estar atentos aos atletas algarvios para ajudar a construir um circuito de ténis mais competitivo no Algarve, assim como assumir um compromisso com o desporto de forma a promover um estilo de vida saudável. Recentemente descobrimos a Maria Beatriz Teixeira, um talento algarvio promissor da modalidade.

É sob o olhar atento do pai que encontramos Maria Teixeira a aquecer no court do Clube de Ténis de Vila Real de Santo António, meia hora antes do início do treino. Iniciou-se no ténis com 11 anos com o objetivo de perder peso, mas quando ganhou o primeiro torneio fora do seu clube, começou a encarar a modalidade como uma opção de carreira. A partir desse momento a sua garra e dedicação valeram-lhe mais uns quantos galardões. Só este ano, dos 21 jogos singulares oficiais em que competiu, ganhou 18.

Maria tem agora 17 anos e continua convicta de que o seu futuro passa pelo desporto. Dona de uma humildade e timidez singulares, revela sentir que o ténis feminino em Portugal precisa de mais apoio por parte dos adeptos e mais visibilidade e reconhecimento internacional. Embora existam torneios femininos no país, lamenta que estes não tenham a mesma relevância e notoriedade como têm os masculinos, referindo o exemplo do Estoril Open.

Em Portugal vão existindo cada vez mais e melhores tenistas, motivo pelo qual se vive uma grande competitividade entre as atletas portuguesas. Maria admira a tenista Inês Gaspar Murta, sua conterrânea, com quem já teve o prazer de treinar e com quem adoraria disputar uma final.

Consciente do trabalho que tem pela frente para chegar ao circuito Grand Slam, Maria tem a autodisciplina necessária e já deu provas de estar num bom caminho. A MyChoice orgulha-se de patrocinar a atleta e está comprometida com o seu sucesso!

Partilhar

Artigos recentes